22 de agosto de 2017

Presbyornis, um antigo parente do ganso

© 2016 Amber Hill

Presbyornis é um gênero extinto de ave anseriforme que viveu nas épocas Paleocena e Eocena, de 62 a 34 milhões de anos atrás, na América do Norte. Tinha o tamanho e a forma de um ganso, com pernas mais compridas e pés palmados.

10 de agosto de 2017

Escutossauro

Arte do documentário britânico Caminhando com os Monstros.
© 2005 BBC

O escutossauro (do grego "lagarto escudo") é um gênero de pareiassauro, grupo de grandes herbívoros do Permiano, que viveu entre 254 e 252 milhões de anos atrás, na Rússia. Media até 3 m de comprimento e pesava cerca de 1 t. Seu crânio era sólido e amplo, medindo até 50 cm de largura, com protuberâncias na parte de trás e na região das bochechas. Possuía audição excepcional e seria capaz de emitir bramidos altos para chamar outros de sua espécie. Seu nome se deve à armadura óssea que cobria o corpo.

24 de julho de 2017

Éon Arqueano

© Peter Sawyer/Instituto Smithsoniano

O éon Arqueano (do grego archaîos, "antigo") está compreendido entre 4 e 2,5 bilhões de anos atrás. Sucede o éon Hadeano e precede o Proterozoico. É subdividido em quatro eras: Eoarqueano (4 a 3,6 Ba), Paleoarqueano (3,6 a 3,2 Ba), Mesoarqueano (3,2 a 2,8 Ba) e Neoarqueano (2,8 a 2,5 Ba). Neste éon, a crosta terrestre havia esfriado o suficiente para formar os primeiros continentes, mas o fluxo interno de calor no planeta ainda era três vezes maior que o atual e as atividades tectônicas eram intensas. À exceção de alguns grãos minerais conhecidos do Hadeano, as formações rochosas expostas mais antigas do planeta são arqueanas.



Tabela do tempo geológico em escala
© Mundo Pré-Histórico

22 de julho de 2017

Loricatossauro

© Gabriel Ugueto

O loricatossauro ("lagarto blindado") é um dinossauro estegossaurídeo de meados do Jurássico. Esse herbívoro viveu na Europa, entre 164 e 161 milhões de anos atrás, e chegava a 6 m de comprimento e 2 toneladas.

16 de julho de 2017

Livyatan - os maiores dentes do mundo

© 2016 Brian Choo

Livyatan ("Leviatã", em hebreu, o monstro bíblico) é um gênero extinto de cetáceo, que viveu na época Miocena, há 13 milhões de anos, no oceano Pacífico. Similar ao cachalote atual, estima-se que media até 17,5 m de comprimento, tendo o crânio 3 m, e pesava até 45 t. Junto com o megalodonte, que viveu nas mesmas águas, era o maior predador de sua época. Adaptado para capturar grandes animais com sua boca cheia de dentes, predava tubarões, focas, golfinhos e até outras baleias.